Chefe do Executivo, Ho Iat Seng, felicita sucesso do 20.º Congresso Nacional do Partido Comunista da China e promete planear e promover o desenvolvimento de Macau nesta nova era

Notícias em Macau | Publicado em: 2022/10/22 | Fonte: Gabinete de Comunicação Social (GCS)

A sessão de encerramento do 20º Congresso Nacional do Partido Comunista da China realizou-se, esta manhã (22 de Outubro), no Grande Palácio do Povo em Pequim. O Secretário-Geral do Partido Comunista da China, Presidente da República Popular da China e Presidente da Comissão Militar Central, Xi Jinping, proferiu um discurso importante na ocasião. O Chefe do Executivo do Governo da Região Administrativa Especial de Macau (RAEM), Ho Iat Seng, em representação do Governo da RAEM e dos compatriotas de Macau, saudou, calorosamente, o 20.º Congresso, cuja sessão de encerramento decorreu com sucesso. O Chefe do Executivo sublinhou que estudar e implementar o espírito do 20.º Congresso é uma tarefa importante no presente e no futuro, salientado que todos os sectores da sociedade devem estudar cuidadosamente, compreender correctamente e implementar escrupulosamente o espírito do 20.º Congresso, transformando as decisões e disposições do 20º Congresso em acções práticas de forma a planear e a promover o desenvolvimento de Macau nesta nova era.

O 20º Congresso foi extremamente importante por decorrer num momento crítico em que o país inicia uma nova jornada de plena construção de um país socialista moderno e em direcção à meta da luta do “segundo centenário”. O tema do relatório do 20.º Congresso é claro, de conotação rica, com uma visão de longo prazo e inspirador. Na sessão de encerramento do 20º Congresso, foram eleitos os elementos do 20º Comité Central do Partido Comunista da China e da 20ª Comissão Central de Inspeção Disciplinar do PCC, aprovada uma resolução sobre o relatório de trabalho do 19º Comité Central do PCC e uma resolução sobre o relatório de trabalho da 19ª Comissão Central de Inspeção Disciplinar do PCC, uma resolução sobre uma emenda à Constituição do PCC. O presidente Xi Jinping fez um discurso importante, onde mencionou o sucesso da realização do 20º Congresso, tendo-se alcançado o objectivo de unir o pensamento, reforçar a confiança, clarificar a direcção e inspirar o espírito de luta. Considerou que as decisões, disposições e conquistas do 20º Congresso Nacional terão efeitos relevantes na orientação e na garantia da plena construção de um país socialista moderno, da promoção integral da grande revitalização da nação chinesa, e da conquista de novas vitórias do socialismo com características chinesas. Durante a realização do 20º Congresso, o governo da RAEM começou a estudar, com todos os sectores da sociedade de Macau, o espírito do 20º Congresso, de forma proactiva e através de diferentes formas, desencadeando uma vaga de interesse em estudar o espírito do 20º Congresso em Macau. O 20º Congresso reforça a consciência nacional e o espírito patriótico dos compatriotas de Macau, o seu sentido de honra e de missão como chineses, bem como reforça a sua confiança no futuro brilhante da Pátria e de Macau.

O Chefe do Executivo salientou que o relatório do 20º Congresso e o discurso importante do presidente Xi Jinping indicam a direcção para a prática bem-sucedida de "um país, dois sistemas" e dinamizar a confiança e o moral das pessoas. Com o encerramento bem-sucedido do 20º Congresso, o país está a caminhar para um novo e melhor desenvolvimento, que irá oferecer, certamente, mais oportunidades valiosas para o desenvolvimento e progresso de Macau. O governo da RAEM vai unir e liderar todos os sectores da sociedade de Macau, sob as orientações do espírito do 20º Congresso, e implementar escrupulosamente os princípios “um país, dois sistemas”, na defesa do poder pleno da governação do Governo Central e na implementação do princípio “Macau governado por patriotas”. A RAEM vai aproveitar, de forma efectiva, as oportunidades de crescimento geradas pelo desenvolvimento nacional, implementar esforçamente todos os trabalhos relacionados com Macau e acelerar a integração na conjuntura de desenvolvimento nacional, bem como assegurar e defender a prosperidade, estabilidade e a segurança de Macau a longo prazo, impulsionar continuamente o alcance de novos sucessos inerentes ao princípio “um país, dois sistemas”, dando novos contributos para a revitalização da nação chinesa, mediante a modernização com características chinesas.